DE PORTUGAL PARA O MUNDO, COM O PÉ DIREITO

Considerado um dos principais motores da economia portuguesa, o setor do calçado registou, em 2013, um novo máximo histórico de exportações em vendas para o exterior. O contributo do setor de calçado para a balança comercial ascendeu, em 2013, a 1,3 mil milhões de euros, o mais elevado da economia portuguesa.

A label criada para a indústria portuguesa do calçado – Portuguese Shoes – alavancou a notoriedade e a qualidade percebida do calçado português, posicionando- o como indústria jovem, sexy, moderna e voltada para o futuro, que alia a tradição às tecnologias de ponta, o saber-fazer ao melhor design de sempre.

Criado em 2011 e dirigido pelo Centro Tecnológico do Calçado de Portugal, o projeto Newalk integra 22 empresas da fileira do calçado, 4 universidades e centros tecnológicos e a Iberia Advanced Health Care. O objetivo passa por investigar e desenvolver novos e inovadores produtos, como, por exemplo, calçado anti-queda, calçado com regulação térmica, não alérgico, calçado para equilíbrio postural antideslizantes ou para doenças das veias.

Know-how, avançadas tecnologias e investigação científica aplicada impulsionaram não apenas a qualidade de produção como também as marcas portuguesas, reconhecidos internacionalmente por personalidades como Michelle Obama ou a Princesa Letizia.