PUBLICIDADE: UMA ARMA PARA O REPOSICIONAMENTO

No início dos anos 90, a banca encontrava-se num estádio de desenvolvimentos que podemos denominar pré-marketing. A concorrência entre privados era incipiente, a regulamentação muito apertada e os produtos pouco diversificados.

Neste ambiente o BCI ousou afrontar a ordem estabelecida e criticar, nas suas campanhas de comunicação, a forma como os bancos tratavam os seus clientes, lançando uma fortíssima, agressiva e inovadora campanha de comunicação que visava desafiar o status quo.

A denominada “camapnha vermelha” permitiu ao banco reposicionar-se na mente dos consumidores e lançar vários produtos e serviços inovadores.